A coxinha, tal qual em sua forma atual tem sua origem no século XIX, na região da Grande São Paulo, no estado de São Paulo.

Segundo historiadores da alimentação, a coxinha foi desenvolvida durante a industrialização de São Paulo, para ser comercializada como um substituto mais barato e mais durável as tradicionais coxas de galinha que eram vendidas nas portas de fábricas.

De São Paulo, a receita rapidamente se espalhou pelo restante do estado e logo do Brasil, já sendo popular no Rio de Janeiro e no Paraná na década de 1950.